por RUKYMAN

18 MARÇO 2007

Aventura Empresas 2007

3ªProva

Pois é, os ASES continuam na linha da frente nesta 2ª edição do Aventura Empresas e não será exagero nenhum se disser que os nossos representantes têm sabido dignificar os ASES e honrar os Galões de Campeões da prova que ostentam e, não esqueçamos, da Taça Inter-troféus.

O título é esclarecedor e o nosso recorde de presenças no podium voltou a crescer mais um ponto, apesar de o alinhamento da equipa ter sido diferente.

Desta vez foi o Filipe Matias a ter de estar ausente devido a compromissos profissionais, mas os ASES têm um bom “banco” e o Ás João Araújo e Campeão do troféu da UM (não esquecer) foi chamado à equipa e cumpriu os objectivos delineados.

A VERTENTE venceu a prova de resistência e minimizou o prejuízo de um kart menos colaborador na prova matinal. No final do dia o terceiro lugar era nosso, mas mais importante, aumentamos a vantagem sobre os perceguidores.

Desta vez, o ensaiador matinal foi o Aires Azevedo que encontrou um kart equilibrado, mas com pouca velocidade de ponta.

A equipa tentou algumas alterações que não sortiram o efeito desejado e por isso as nossas classificações traduziram de certa forma o andamento dos adversários, ou seja, como ultrapassar era para nós praticamente impossível e os nossos pilotos tiveram um andamento muito semelhante - entre os 57,8 e os 58,1, as nossas classificações variaram de acordo com aquilo que as outras equipas fizeram .

O João Brito acabou por ser o mais feliz – 4º lugar, o João Araújo - 6ª, Rukyman - 8ª e Aires Azevedo – 10º.

Ainda assim marcamos os mesmos pontos que mais duas equipas, mas no desempate acabamos por terminar em 7º lugar.

E infelizmente para nós, os vencedores matinais foram a OVAR Kart que esteve em excelente plano, logo seguidos (e também infelizmente para nós) dos agora segundos classificados – MDS Seguros.

Para a tarde, o “tester” foi o Rukyman que no final do warm-up esboçava um sorriso bastante promissor e de facto não se enganou.

A equipa delineou uma estratégia totalmente diferente para esta prova e o resultado esteve à vista.

Saindo cá de trás, a nossa equipa subiu até ao 9º lugar.

O pace-kart desta vez resolveu entrar aos 25 minutos de prova e a equipa resolveu arriscar num reabastecimento para mais de duas horas e meia.

Foi de facto um risco e que risco! O depósito foi até ao limite de capacidade e a equipa acabou a prova quase a vapor de gasolina!

A equipa foi subindo na classificação com um andamento muito certinho e a meio da prova já estávamos em primeiro.

No entanto, sabíamos que tudo se decidiria no sprint que se segue à entrada final do pace-kart.

Como a equipa continuou a ganhar vantagem, as nossas preocupações viraram-se para a autonomia do kart. Algumas equipas com a mesma estratégia tiveram de fazer um reabastecimento extra e houve  quem ficasse parado em pista!

Felizmente para nós, o nosso bólide conseguiu cumprir a distância.

Falta uma prova para terminar o campeonato e os ASES têm 11 pontos de avanço.

Se tudo correr normalmente, digamos que 11 pontos é uma magra mas boa vantagem.

No entanto, as corridas estão cheias de imponderáveis e a nossa equipa não tem memória curta.

A equipa K Amigos praticamente hipotecou as suas hipóteses com um resultado desastroso nesta terceira corrida e ainda temos na memória os azares dos Cavaleiros do Asfalto na última prova do campeonato anterior.

Mas, como diz o povo – Candeia que vai à frente…

 

Resultados das corridas matinais:

 

  MANGA   A                                                                                        

    MANGA   B

      MANGA   C

        MANGA   D

 

3H Resistência

 

Classificação Geral

 

 

 

 

 

 

Comenta esta notícia noFORUMdos ASES!!