por Rui Almeida

17 DE OUTUBRO 2018

 

 

 

Em dia de comemoração o ICEMAN aumentou vantagem pontual rumo ao seu primeiro título nos ASES

 

ICEMAN AUMENTA VANTAGEM RUMO AO TÍTULO

VITÓRIAS DE DIOGO SOUSA E RUI ALMEIDA SR

ICEMAN PROMOVIDO A CENTENÁRIO  

 

A penúltima jornada dos ASES foi uma jornada de festa e foi pena terem participado apenas 14 pilotos, a segunda lista de inscritos mais curta de sempre.

E foi mesmo pena, não só porque se comemorava a promoção de Rui Almeida JR (o Iceman) a centenário, bem como a corrida que seria a centenária foi considerada por todos os presentes como a corrida mais espectacular desde que se corre com esta frota no KIVI!

Relativamente ao aniversariante, temos um artigo em separado sobre o seu percurso nos ASES (ler aqui), mas podemos concluir que para além dos seus interesses e pretensões ao título de campeão dos ASES, o Iceman queria mesmo carimbar a sua festa com uma estrondosa vitória.

Já lá vamos.

Para a primeira corrida seria Diogo Sousa a obter a pole-position – a sua quarta nos ASES.

Rui Júnior seria segundo e Jorge Meireles - com pretensões a representar os ASES na próxima TIT, seria terceiro.

Almeida Sénior o outro pretendente ao título, estava em maus lençóis ao não conseguir ir além do oitavo lugar, queixando-se de um kart difícil de conduzir.

A corrida acabou dividida em três grupos:

Um composto por Diogo Sousa e Almeida Júnior. Sousa controlou facilmente o seu adversário, vencendo tranquilamente. Por sua vez o Iceman cedo terá verificado que muito dificilmente conseguiria contrariar Sousa e seria melhor assegurar o segundo lugar.

O segundo grupo, foi inicialmente composto por Jorge Meireles e Hugo Carvalhido (cada vez mais afinado…). Mais tarde juntou-se Luís Cunha que fez grande recuperação desde o oitavo lugar da primeira volta. Carvalhido pressionou muito Jorge Meireles, obrigando-o a ceder e conquistando assim o seu segundo pódio da época.

O terceiro grupo tinha muitos interessados nas contas finais – Diogo Costa, João Moreira, Gustavo Gonçalves e Rui Almeida Sénior.

Costa foi quem levou a melhor, enquanto Almeida Sénior confirmava as suas dificuldades com o kart ao terminar em oitavo.

A segunda manga seria a corrida do centenário para o Iceman.

Ficou desde logo evidente que Almeida Júnior não queria saber de campeonatos. Queria mesmo era ganhar a sua corrida centenária.

Por sua vez, Almeida Sénior queria compensar o mau resultado da primeira corrida e tudo faria para rectificar as contas.

Nos treinos Almeida Sénior colocou todos em sentido ao obter a pole-position por boa margem na frente de Rui Almeida Júnior e João Moreira.

Face aos tempos obtidos, tudo parecia indicar que o mais velho dos Almeidas iria ter uma caminhada fácil, mas o Júnior fez questão de lhe mostrar que de facto nas 99 corridas anteriores tinha aprendido muito e bem com os melhores e que tinha fibra de campeão.

Almeida Sénior arrancou muito bem e assumiu a liderança, mas umas curvas à frente, após uma travagem nos limites o Júnior passou para a dianteira.

A raposa velha não acusou o golpe e desde logo começou a estudar o percurso do jovem lobo.

Sem ataques entre eles, o grupo esticou com o duo a abrir uma boa margem.

À quarta volta Almeida Sénior desferiu o ataque pensando que seria final, mas o Iceman estava focadíssimo na sua comemoração e respondeu de imediato.

Durante 4 voltas os acontecimentos ficaram fora de controlo, com ataques e contra-ataques em locais “impossíveis”.

Os dois chegaram a andar lado a lado e em locais que se pensava que só cabia um kart!

Depois de muitos toques e ultrapassagens impossíveis, o pelotão acabou por reagrupar, sem que ninguém (milagrosamente) perdesse o frontal.

A luta foi tão intensa que João Moreira parecia ter receio de “meter” o seu kart. Não queria ter responsabilidades numa luta que não era sua.

A três voltas do fim, a raposa finalmente conseguiu por ordem na corrida, colocando o jovem lobo em sentido e vencendo de forma espectacular.

Nas contas do título, a vida do Junior está agora mais facilitada. Objectivamente à Velha Raposa Rukyman, se quiser sonhar com o título, terá de vencer as duas corridas e depois... esperar o impensável, ou seja, que o jovem Lobo Iceman se perca na classificação.

Quanto à TIT,  Diogo Sousa já garantiu o seu lugar, faltando preencher 3 vagas.
E aqui neste ponto está tudo muito baralhado, ao ponto do 10º classificado Luís Fernandes ter ainda possibilidade de chegar ao... quinto lugar final.
De uma forma mais fria e objectiva, Luís Duarte e João Moreira parecem ter vantagem.

Para a última vaga, o elo mais fraco parece ser Ricardo Passos. A luta deverá ser entre Gustavo Gonçalves e Jorge Meireles, mas nunca se descura um piloto com o peso e o palmarés de Luís Fernandes.  

A última jornada será a 10 de Novembro.

 

CORRIDA 1 PISTA 1
TREINOS CORRIDA BEST LAPS
Pos. Kart Piloto Tempo Dif. Pos. Kart Piloto Laps Dif. Best Pos. Kart Piloto Best Dif.
1 03 Diogo Sousa 46,232 0,000 1 03 Diogo Sousa 13 00,00 46,130 1 03 Diogo Sousa 46,130 0,000
2 05 Iceman 46,668 0,436 2 05 Iceman 13 01,99 46,291 2 05 Iceman 46,291 0,161
3 07 Jorge Meireles 46,692 0,460 3 16 Hugo Carvalhido 13 07,73 46,538 3 08 Luís Cunha 46,505 0,375
4 16 Hugo Carvalhido 46,729 0,497 4 07 Jorge Meireles 13 08,86 46,638 4 16 Hugo Carvalhido 46,538 0,408
5 13 João Moreira 46,823 0,591 5 08 Luís Cunha 13 09,07 46,505 5 07 Jorge Meireles 46,638 0,508
6 01 Diogo Costa 46,891 0,659 6 01 Diogo Costa 13 10,94 46,649 6 01 Diogo Costa 46,649 0,519
7 08 Luís Cunha 46,926 0,694 7 13 João Moreira 13 11,28 46,805 7 11 Rui Almeida 46,756 0,626
8 11 Rui Almeida 46,961 0,729 8 11 Rui Almeida 13 11,72 46,756 8 13 João Moreira 46,805 0,675
9 14 Gustavo Gonçalves 47,095 0,863 9 14 Gustavo Gonçalves 13 12,37 46,819 9 14 Gustavo Gonçalves 46,819 0,689
10 17 Renato Afonso 47,205 0,973 10 04 Manuel Fonseca 13 14,08 46,861 10 04 Manuel Fonseca 46,861 0,731
11 04 Manuel Fonseca 47,243 1,011 11 12 Ricardo Passos 13 18,95 47,186 11 17 Renato Afonso 47,132 1,002
12 12 Ricardo Passos 47,583 1,351 12 17 Renato Afonso 13 19,32 47,132 12 12 Ricardo Passos 47,186 1,056
13 02 Joaquim Oliveira 47,713 1,481 13 02 Joaquim Oliveira 13 20,69 47,206 13 02 Joaquim Oliveira 47,206 1,076
14 06 Natanael Neiva 48,604 2,372 14 06 Natanael Neiva 13 30,61 47,601 14 06 Natanael Neiva 47,601 1,471
CORRIDA 2 PISTA 1
TREINOS CORRIDA BEST LAPS
Pos. Kart Piloto Tempo Dif. Pos. Kart Piloto Laps Dif. Best Pos. Kart Piloto Best Dif.
1 16 Rui Almeida 45,984 0,000 1 16 Rui Almeida 13 00,00 46,031 1 16 Rui Almeida 46,031 0,000
2 07 Iceman 46,253 0,269 2 07 Iceman 13 01,33 46,232 2 07 Iceman 46,232 0,201
3 05 João Moreira 46,514 0,530 3 05 João Moreira 13 04,16 46,555 3 08 Renato Afonso 46,453 0,422
4 01 Hugo Carvalhido 46,749 0,765 4 17 Gustavo Gonçalves 13 04,76 46,548 4 01 Hugo Carvalhido 46,470 0,439
5 17 Gustavo Gonçalves 46,779 0,795 5 04 Diogo Sousa 13 04,97 46,652 5 17 Gustavo Gonçalves 46,548 0,517
6 04 Diogo Sousa 46,973 0,989 6 01 Hugo Carvalhido 13 05,21 46,470 6 05 João Moreira 46,555 0,524
7 12 Diogo Costa 47,043 1,059 7 12 Diogo Costa 13 08,43 46,826 7 04 Diogo Sousa 46,652 0,621
8 08 Renato Afonso 47,106 1,122 8 08 Renato Afonso 13 08,52 46,453 8 12 Diogo Costa 46,826 0,795
9 13 Joaquim Oliveira 47,224 1,240 9 13 Joaquim Oliveira 13 12,40 46,945 9 13 Joaquim Oliveira 46,945 0,914
10 14 Luís Cunha 47,234 1,250 10 14 Luís Cunha 13 14,78 47,236 10 03 Natanael Neiva 47,074 1,043
11 03 Natanael Neiva 47,444 1,460 11 06 Jorge Meireles 13 20,58 47,803 11 14 Luís Cunha 47,236 1,205
12 06 Jorge Meireles 47,468 1,484 12 02 Manuel Fonseca 13 20,73 47,663 12 02 Manuel Fonseca 47,663 1,632
13 11 Ricardo Passos 47,612 1,628 13 03 Natanael Neiva 13 23,47 47,074 13 06 Jorge Meireles 47,803 1,772
14 02 Manuel Fonseca 47,700 1,716 14 11 Ricardo Passos 13 24,95 47,830 14 11 Ricardo Passos 47,830 1,799

 

Com a sua 4ª vitória entre os ASES, Diogo Sousa carimbou o acesso à TIT e praticamente garantiu o pódio final nos ASES

 

RUI ALMEIDA SR mais uma vez só cumpriu metade do objectivo para esta jornada, ficando mais longe do tão desejado título

Hugo Carvalhido teve uma notória evolução no panorama kartista. Este ano, nos ASES chegou ao segundo pódio da época

Na segunda metade da época JOÃO MOREIRA atingiu a normalidade em termos de resultados. Ainda assim só agora chegou ao pódio. A TIT está praticamente garantida

 

Por várias razões, só 14 pilotos compareceram nesta jornada e foram esses que testemunharam a promoção a Centenário do jovem RUI ALMEIDA

 

O bolo da festa

 

<< Clique aquipara escrever aos ASES