por Rui Almeida

24 DE JUNHO 2017

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

As grelhas continuam cheias e a competitividade está ao rubro com as difenças entre os primeiros a serem curtíssimas

 

DOMÍNIO TOTAL DE REINALDO FONSECA

ICEMAN TAMBÉM VENCE E ASSUME LIDERANÇA DO TROFÉU

 

Depois de uma primeira jornada menos conseguida, o REI tem vindo em crescendo e dominou a quarta jornada

 

Começa a ser muito repetitivo dizer que o troféu dos ASES está em alta, que está ultracompetitivo, vencedores sempre diferentes, blá blá blá, blá blá blá!

Mas de facto é isso que mesmo que se está a verificar em 2017 e foi isso que aconteceu novamente na quarta prova do troféu.

Esta quarta jornada terá mesmo sido a mais competitiva até ao momento, com o vencedor de cada corrida só a respirar de alívio após a bandeirada final. Apesar disso, houve novamente um piloto a dominar a jornada, mas novamente um dominador diferente, desta vez Reinaldo Fonseca.

O nível está de tal forma elevado que ultrapassar “sem espinhas” é muito complicado e agora já só se fala em “ultrapassagens no braço” e “ultrapassagens musculadas”.

O limite é o fio da navalha e parece começar a ser o saltar ou não saltar do… frontal que indica se se ultrapassou ou não… o limite.

A tensão está ao rubro, todos já têm consciência que o momento da largada começa a ser crucial para uma melhor ou pior prestação em corrida e esta jornada acabou por ser marcada por suspeitas de várias falsas partidas, algumas verificadas mesmo…

Nada que a organização não vá solucionar no futuro.

Outro facto a salientar e que causou alguma surpresa, foi a inesperada ausência do vencedor da anterior jornada e líder do troféu Luís Duarte, retido no Porto com afazeres inadiáveis.

Este facto (mas não só) fez com que o troféu tenha mudado novamente de líder – Rui Almeida JR, o terceiro piloto diferente a comandar o troféu.

Mas vamos aos factos:

A primeira manga viu Nuno Gonçalves obter a segunda pole da sua carreira nos ASES e ainda um inspirado Alvaro Bessa a ser terceiro!

Pelo meio ficou o futuro vencedor – Reinaldo Fonseca, numa sessão que viu os 10 primeiros ficarem separados por meio segundo.

Dada a partida Reinaldo Fonseca partiu melhor e assumiu o comando.

Nuno Gonçalves seguiu-o que nem uma sombra durante grande parte da corrida. Pressionou Fonseca constantemente, mas este nunca errou e já em desespero tentou uma ultrapassagem de certa forma optimista e acabou sem frontal.

Entretanto Rui Almeida SR (4º nos treinos) já tinha superado Alvaro Bessa e com o “erro” de Gonçalves chegou ao segundo lugar em que terminou, não antes sem também ter sido fortemente pressionado por Fernando Charais que acabou a fechar o top três.

Depois do brilhante terceiro lugar nos treinos, um dos decanos dos ASES – Alvaro Bessa, alcançou o seu melhor resultado entre os ASES, o quarto.

Para a segunda manga entrava em cena Rui Almeida JR – o Iceman que obteve a pole-position, novamente numa sessão em que os seis primeiros ficaram separados por menos de duas décimas!

Na partida o Iceman perdeu dois lugares, mas com duas voltas ultra-agressivas, reassume a liderança para nunca mais a largar.

A luta passa a centrar-se pelo segundo lugar que envolveu Jorge Meireles (2º nos treinos) e João Moreira (terceiro), com este último a levar a melhor já perto do fim.

Na terceira e última manga entra novamente em cena Reinaldo Fonseca que obtém nova pole-position.

A seu lado o Iceman e logo atrás o campeão em título Luis Fernandes.

Fonseca sai na frente e liderou de princípio ao fim, mas novamente muito pressionado.

Desta vez por Diogo Sousa (a fazer um campeonato algo irregular até ao momento) que conseguiu superar Almeida JR e Fernandes na partida.

Fonseca já é “raposa velha”, enquanto Sousa ainda é um “jovem lobo”. Tentar ludibriar uma raposa não é fácil e seria o jovem lobo a cair numa ratoeira, perdendo o frontal.

A luta pela vitória passou para três contentores, mas Fonseca pareceu ter sempre tudo bem controlado, até porque Fernandes começou a pressionar fortemente o jovem Iceman, consumando mesmo a ultrapassagem e chegando ao segundo lugar final.

Excelente quarto lugar de Hugo Carvalhido, o seu melhor resultado entre os ASES até ao momento.

Chegamos a meio do campeonato e está tudo em aberto.

Seis pilotos já venceram e não há até ao momento um dominador que se saliente.

O Campeão Fernandes dominou a primeira corrida, João Moreira a segunda, Luís Duarte a terceira e Reinaldo Fonseca esta jornada.

Nenhum deles lidera, bem pelo contrário, é o Iceman quem venceu mais corridas que está na frente e pelo meio ainda assistimos à estreia de Pedro Nunes a vencer entre os ASES.

Nunca em épocas anteriores, o último do Top 10, esteve tão perto dos primeiros e João Moreira que mercê das ausências, está fora dos 10 melhores (e das contas do título), terá de suar um pouco para tentar chegar aos lugares da TIT.

 

CORRIDA 1
TREINOS CORRIDA BEST LAPS
Pos. Kart Piloto Tempo Dif. Pos. Kart Piloto Laps Dif. Best Pos. Kart Piloto Best Dif.
1 01 Nuno Gonçalves 47,650 0,000 1 17 Reinaldo Fonseca 13 00,00 47,703 1 01 Nuno Gonçalves 47,354 0,000
2 17 Reinaldo Fonseca 47,659 0,009 2 10 Rui Almeida 13 01,16 47,658 2 02 Fernando Charais 47,589 0,235
3 06 Alvaro Bessa 47,679 0,029 3 02 Fernando Charais 13 01,77 47,589 3 10 Rui Almeida 47,658 0,304
4 10 Rui Almeida 47,812 0,162 4 06 Alvaro Bessa 13 02,12 47,802 4 17 Reinaldo Fonseca 47,703 0,349
5 04 Luis Fernandes 47,819 0,169 5 12 Pedro Nunes 13 02,28 47,765 5 07 Luis Cunha 47,740 0,386
6 12 Pedro Nunes 47,844 0,194 6 07 Luis Cunha 13 02,96 47,740 6 04 Luis Fernandes 47,746 0,392
7 07 Luis Cunha 47,932 0,282 7 11 Renato Afonso 13 04,18 47,892 7 12 Pedro Nunes 47,765 0,411
8 02 Fernando Charais 47,992 0,342 8 15 Gustavo Gonçalves 13 08,06 47,972 8 06 Alvaro Bessa 47,802 0,448
9 11 Renato Afonso 48,057 0,407 9 08 Pedro Soares 13 14,93 48,493 9 11 Renato Afonso 47,892 0,538
10 03 Manuel Fonseca 48,227 0,577 10 16 Roberto Costa 13 15,15 48,292 10 15 Gustavo Gonçalves 47,972 0,618
11 14 Diogo Sousa 48,438 0,788 11 04 Luis Fernandes 13 17,65 47,746 11 03 Manuel Fonseca 48,199 0,845
12 16 Roberto Costa 48,470 0,820 12 13 Diogo Costa 13 18,14 48,603 12 16 Roberto Costa 48,292 0,938
13 15 Gustavo Gonçalves 48,557 0,907 13 14 Diogo Sousa 13 24,25 48,520 13 08 Pedro Soares 48,493 1,139
14 08 Pedro Soares 48,635 0,985 14 01 Nuno Gonçalves 13 24,75 47,354 14 14 Diogo Sousa 48,520 1,166
15 13 Diogo Costa 48,922 1,272 15 03 Manuel Fonseca 13 26,22 48,199 15 13 Diogo Costa 48,603 1,249
16 09 Marco Azevedo 49,044 1,394 16 09 Marco Azevedo 13 26,32 49,463 16 09 Marco Azevedo 49,463 2,109
CORRIDA 2
TREINOS CORRIDA BEST LAPS
Pos. Kart Piloto Tempo Dif. Pos. Kart Piloto Laps Dif. Best Pos. Kart Piloto Best Dif.
1 12 Iceman 47,436 0,000 1 12 Iceman 13 00,00 47,135 1 12 Iceman 47,135 0,000
2 02 Jorge Meireles 47,447 0,011 2 14 João Moreira 13 04,14 47,455 2 01 Diogo Costa 47,242 0,107
3 14 João Moreira 47,473 0,037 3 02 Jorge Meireles 13 04,60 47,290 3 02 Jorge Meireles 47,290 0,155
4 01 Diogo Costa 47,524 0,088 4 06 Luis Cunha 13 05,11 47,346 4 16 Gustavo Gonçalves 47,329 0,194
5 06 Luis Cunha 47,625 0,189 5 16 Gustavo Gonçalves 13 05,64 47,329 5 06 Luis Cunha 47,346 0,211
6 07 Rui Almeida 47,632 0,196 6 05 Renato Afonso 13 09,47 47,815 6 14 João Moreira 47,455 0,320
7 16 Gustavo Gonçalves 47,816 0,380 7 03 Pedro Nunes 13 10,54 47,892 7 13 António Garcia 47,524 0,389
8 09 Manuel Fonseca 47,819 0,383 8 13 António Garcia 13 12,74 47,524 8 07 Rui Almeida 47,581 0,446
9 03 Pedro Nunes 47,844 0,408 9 09 Manuel Fonseca 13 14,24 47,829 9 05 Renato Afonso 47,815 0,680
10 05 Renato Afonso 48,036 0,600 10 01 Diogo Costa 13 14,41 47,242 10 09 Manuel Fonseca 47,829 0,694
11 11 Pedro Soares 48,112 0,676 11 17 Hugo Carvalhido 13 15,34 48,084 11 03 Pedro Nunes 47,892 0,757
12 17 Hugo Carvalhido 48,147 0,711 12 08 Ruben Azevedo 13 16,24 48,042 12 08 Ruben Azevedo 48,042 0,907
13 10 Fernando Charais 48,180 0,744 13 07 Rui Almeida 13 19,93 47,581 13 11 Pedro Soares 48,054 0,919
14 13 António Garcia 48,381 0,945 14 10 Fernando Charais 13 26,39 48,221 14 17 Hugo Carvalhido 48,084 0,949
15 08 Ruben Azevedo 48,414 0,978 15 15 João Veiga 13 32,31 48,786 15 10 Fernando Charais 48,221 1,086
16 04 Joaquim Oliveira 48,561 1,125 16 11 Pedro Soares 13 36,39 48,054 16 04 Joaquim Oliveira 48,352 1,217
17 15 João Veiga 48,671 1,235 17 04 Joaquim Oliveira 11 2 Laps 48,352 17 15 João Veiga 48,786 1,651
CORRIDA 3
TREINOS CORRIDA BEST LAPS
Pos. Kart Piloto Tempo Dif. Pos. Kart Piloto Laps Dif. Best Pos. Kart Piloto Best Dif.
1 06 Reinaldo Fonseca 47,266 0,000 1 06 Reinaldo Fonseca 13 00,00 47,141 1 06 Reinaldo Fonseca 47,141 0,000
2 17 Iceman 47,368 0,102 2 02 Luis Fernandes 13 02,09 47,201 2 02 Luis Fernandes 47,201 0,060
3 02 Luis Fernandes 47,382 0,116 3 17 Iceman 13 02,80 47,312 3 04 Diogo Sousa 47,250 0,109
4 04 Diogo Sousa 47,391 0,125 4 13 Hugo Carvalhido 13 05,48 47,372 4 17 Iceman 47,312 0,171
5 13 Hugo Carvalhido 47,707 0,441 5 15 João Moreira 13 08,87 47,775 5 13 Hugo Carvalhido 47,372 0,231
6 11 Jorge Meireles 47,712 0,446 6 11 Jorge Meireles 13 11,16 47,681 6 11 Jorge Meireles 47,681 0,540
7 15 João Moreira 47,788 0,522 7 04 Diogo Sousa 13 12,75 47,250 7 12 Joaquim Oliveira 47,743 0,602
8 08 António Garcia 47,847 0,581 8 08 António Garcia 13 14,09 47,747 8 08 António Garcia 47,747 0,606
9 12 Joaquim Oliveira 47,865 0,599 9 12 Joaquim Oliveira 13 15,55 47,743 9 15 João Moreira 47,775 0,634
10 01 Ruben Azevedo 48,131 0,865 10 03 Alvaro Bessa 13 19,84 48,167 10 01 Ruben Azevedo 48,076 0,935
11 03 Alvaro Bessa 48,240 0,974 11 05 Roberto Costa 13 21,26 48,263 11 03 Alvaro Bessa 48,167 1,026
12 14 Nuno Gonçalves 48,269 1,003 12 07 João Veiga 13 25,65 48,559 12 05 Roberto Costa 48,263 1,122
13 05 Roberto Costa 48,465 1,199 13 01 Ruben Azevedo 13 29,28 48,076 13 14 Nuno Gonçalves 48,374 1,233
14 07 João Veiga 48,569 1,303 14 14 Nuno Gonçalves 13 36,36 48,374 14 07 João Veiga 48,559 1,418
15 10 Marco Azevedo 50,019 2,753 15 10 Marco Azevedo 13 46,71 50,050 15 10 Marco Azevedo 50,050 2,909

 

O Iceman ainda não dominou nenhuma prova, mas venceu sempre e com isso lidera o troféu

 Nuno "Careca" Gonçalves esteve em muito bom nível, mas não traduziu em pontos, o seu brilhantismo

 Já Alvaro Bessa, alcançou os seus melhores resultados nos ASES, depois de boas exibições

Também Hugo Carvalhido está em crescendo e também está quase no pódio

 

O recordista de presenças em pódios - Rui Almeida deu um ar da sua graça na primeira corrida com o segundo pódio da época, mas depois apagou-se

 

João Moreira continua igual a si mesmo e subiu novamente ao pódio. Pena as duas ausencias que certamente o colocam fora da luta pelo título

 

Luís Fernandes voltou a ter uma jornada complicada, mas conseguiu subir ao pódio depois de uma luta titanica com o seu eterno rival Rui Almeida JR

 

<< Clique aquipara escrever aos ASES