por Rui Almeida

28 DE AGOSTO 2015

 

LUIS FERNANDES REASSUME LIDERANÇA

A melhor prova de Diogo Sousa – 1º pódio

Pedro Sousa está cada vez mais perto da vitória

Pedro Nunes e Pedro Soares marcam passo

 

O troféu dos Ases avançou para a sua 5ª jornada e mais uma vez se comprovou o sucesso da edição 2015 que contou desta vez com 32 presenças e onde aconteceram mais algumas estreias.

Neste particular, destaque para André Martins e Leandro Caetano, ambos a conseguirem um 10º e um 9º lugar respectivamente.

Tendo a pista e os karts características muito particulares, exigindo sempre alguma habituação, o resultado de Leandro Caetano é bastante interessante, uma vez que se tratou de uma estreia absoluta na pista e nos karts!

No que toca aos residentes, de salientar o resultado de Diogo Sousa, piloto que se estreou este ano nos ASES e que tem vindo a evoluir de forma consistente, culminando nesta prova com a obtenção da sua primeira pole-position entre os ASES, bem como a obtenção dos seus primeiros pódios – um segundo e um terceiro lugar.

Também em destaque esteve Pedro Sousa, ele que já é mais do que uma certeza no troféu e alcançou aqui o seu melhor resultado da época. Para além de se estrear nas pole-positions, obteve ainda uma melhor volta. No entanto, ainda não foi desta que Sousa alcançou a tão desejada (e já merecida) vitória numa prova dos ASES: Alcançou “apenas” dois segundos lugares.

Isto leva-nos para o assunto seguinte – a luta pelo título que continua ao rubro!

Objectivamente apenas quatro pilotos estão nessa luta:

Luís Fernandes recuperou a liderança do troféu face às duas vitórias que alcançou e neste particular, o demérito foi dos seus principais opositores, já que em nenhuma das mangas alcançou a sempre importante pole-position, mas conseguiu superar em pista os seus adversários, sendo que numa delas foram dois adversários directos – Pedro Sousa e Iceman.

Para o jovem Iceman não foi tudo mau, pois foi também o outro vencedore e foi quem menos cedeu a Fernandes conseguindo inclusivamente subir ao segundo lugar do troféu.

Quem saiu a perder foi o anterior líder João Moreira que caiu para o terceiro lugar.

Todos sabemos que o factor sorte tem a sua quota-parte de intervenção na obtenção dos resultados e depois de uma primeira manga em que Moreira não foi muito expedito nos treinos, conseguiu ainda assim, minimizar as perdas subindo ao quarto lugar da manga, mas na sua segunda manga foi vítima de um incidente que tratarei separadamente, mas que resultou num 15º lugar final.

A luta seguinte é a luta pela presença na TIT 2016.

É sempre prestigiante para um piloto representar um troféu na TIT, mais a mais, quando se trata daquele que tem o melhor palmarés e é o actual detentor da prova.

Se a luta pelo título está ao rubro, esta não lhe fica atrás:

Vitor Fernandes e Pedro Nunes estão actualmente em 5º e 6º lugares na classificação, mas Reinaldo Fonseca deu um grande salto estando agora em 7º lugar.

Se por um lado, tem o quinto lugar ainda ao seu alcance, pois está a 180 pontos de distância quando ainda há 6 corridas para disputar, por outro lado, tem o 13º lugar – João Veiga a 139 pontos, ou seja, tem 6 pilotos mais perto dele do que ele está para o quinto lugar!

No fundo, ainda não é possível fazer previsões e não é descabido afirmar que até ao 13º lugar… tudo é possível.

 

CORRIDA 1
TREINOS CORRIDA BEST LAPS
Pos. Kart Piloto Tempo Dif. Pos. Kart Piloto Laps Dif. Best Pos. Kart Piloto Best Dif.
1 14 Diogo Sousa 35,210 0,000 1 02 Luis Fernandes 17 0,00 35,123 1 12 Reinaldo Fonseca 35,077 0,000
2 02 Luis Fernandes 35,243 0,033 2 14 Diogo Sousa 17 00,32 35,214 2 02 Luis Fernandes 35,123 0,046
3 12 Reinaldo Fonseca 35,371 0,161 3 12 Reinaldo Fonseca 17 00,79 35,077 3 20 João Moreira 35,132 0,055
4 08 Pedro Soares 35,393 0,183 4 20 João Moreira 17 01,97 35,132 4 08 Pedro Soares 35,158 0,081
5 17 Ricardo Passos 35,404 0,194 5 17 Ricardo Passos 17 03,91 35,291 5 14 Diogo Sousa 35,214 0,137
6 04 Gustavo Gonçalves 35,417 0,207 6 04 Gustavo Gonçalves 17 07,96 35,559 6 17 Ricardo Passos 35,291 0,214
7 20 João Moreira 35,469 0,259 7 18 Nuno Gonçalves 17 08,28 35,447 7 15 Vitor Fernandes 35,324 0,247
8 07 João Veiga 35,476 0,266 8 15 Vitor Fernandes 17 09,76 35,324 8 18 Nuno Gonçalves 35,447 0,370
9 18 Nuno Gonçalves 35,517 0,307 9 07 João Veiga 17 10,50 35,493 9 01 Leandro Caetano 35,488 0,411
10 15 Vitor Fernandes 35,641 0,431 10 06 Marcio Moreira 17 13,12 35,731 10 07 João Veiga 35,493 0,416
11 01 Leandro Caetano 35,646 0,436 11 01 Leandro Caetano 17 14,66 35,488 11 19 Rebelo Martins 35,505 0,428
12 06 Marcio Moreira 35,667 0,457 12 22 Alvaro Bessa  17 15,06 35,648 12 04 Gustavo Gonçalves 35,559 0,482
13 22 Alvaro Bessa  35,728 0,518 13 10 Jorge Meireles 17 15,31 35,605 13 10 Jorge Meireles 35,605 0,528
14 13 Cristiano Amaro 35,752 0,542 14 13 Cristiano Amaro 17 19,06 35,667 14 22 Alvaro Bessa  35,648 0,571
15 03 Renato Afonso 35,777 0,567 15 03 Renato Afonso 17 19,68 35,680 15 13 Cristiano Amaro 35,667 0,590
16 19 Rebelo Martins 35,828 0,618 16 11 Renato Basto 17 20,09 35,668 16 11 Renato Basto 35,668 0,591
17 10 Jorge Meireles 35,838 0,628 17 08 Pedro Soares 17 23,08 35,158 17 03 Renato Afonso 35,680 0,603
18 16 Manuel Fonseca 35,881 0,671 18 21 Marco Azevedo 17 29,08 36,343 18 06 Marcio Moreira 35,731 0,654
19 11 Renato Basto 35,901 0,691 19 09 Mario Alemão 17 29,15 35,909 19 09 Mario Alemão 35,909 0,832
20 09 Mario Alemão 35,989 0,779 20 19 Rebelo Martins 17 29,86 35,505 20 16 Manuel Fonseca 36,189 1,112
21 21 Marco Azevedo 36,290 1,080 21 16 Manuel Fonseca 17 36,51 36,189 21 21 Marco Azevedo 36,343 1,266
22 05 Ricardo Sousa 37,770 2,560 22 05 Ricardo Sousa 15 2 Laps 37,183 22 05 Ricardo Sousa 37,183 2,106
* Rebelo Martins penalizado em 15s

 

 

 
CORRIDA 2
TREINOS CORRIDA BEST LAPS
Pos. Kart Piloto Tempo Dif. Pos. Kart Piloto Laps Dif. Best Pos. Kart Piloto Best Dif.
1 09 Pedro Sousa 34,730 0,000 1 12 Luis Fernandes 17 0,00 34,913 1 12 Luis Fernandes 34,913 0,000
2 14 Iceman 34,877 0,147 2 09 Pedro Sousa 17 00,61 34,928 2 14 Iceman 34,927 0,014
3 12 Luis Fernandes 34,942 0,212 3 14 Iceman 17 03,97 34,927 3 09 Pedro Sousa 34,928 0,015
4 22 Vitor Fernandes 35,291 0,561 4 22 Vitor Fernandes 17 05,64 35,172 4 22 Vitor Fernandes 35,172 0,259
5 03 Rui Almeida 35,399 0,669 5 03 Rui Almeida 17 10,65 35,485 5 02 Pedro Nunes 35,357 0,444
6 02 Pedro Nunes 35,404 0,674 6 15 Renato Afonso 17 10,72 35,394 6 15 Renato Afonso 35,394 0,481
7 15 Renato Afonso 35,442 0,712 7 21 Pedro Soares 17 11,38 35,424 7 21 Pedro Soares 35,424 0,511
8 06 Nuno Gonçalves 35,464 0,734 8 08 Fernando Charais 17 12,11 35,467 8 08 Fernando Charais 35,467 0,554
9 08 Fernando Charais 35,505 0,775 9 06 Nuno Gonçalves 17 15,78 35,714 9 03 Rui Almeida 35,485 0,572
10 21 Pedro Soares 35,512 0,782 10 05 Renato Bastos 17 17,95 35,787 10 16 Rebelo Martins 35,576 0,663
11 05 Renato Bastos 35,621 0,891 11 11 Alvaro Bessa 17 18,19 35,677 11 11 Alvaro Bessa 35,677 0,764
12 16 Rebelo Martins 35,714 0,984 12 19 Márcio Moreira 17 24,71 35,883 12 10 André Martins 35,704 0,791
13 11 Alvaro Bessa 35,829 1,099 13 20 António Novo 17 26,76 35,998 13 06 Nuno Gonçalves 35,714 0,801
14 10 André Martins 35,865 1,135 14 16 Rebelo Martins 17 28,79 35,576 14 05 Renato Bastos 35,787 0,874
15 20 António Novo 35,915 1,185 15 07 Marco Azevedo 17 32,57 36,151 15 19 Márcio Moreira 35,883 0,970
16 17 Miguel Lopes 36,206 1,476 16 10 André Martins 17 35,53 35,704 16 18 António Martins 35,971 1,058
17 19 Márcio Moreira 36,237 1,507 17 01 Ricardo Sousa 16 1 Lap 36,981 17 20 António Novo 35,998 1,085
18 07 Marco Azevedo 36,297 1,567 18 02 Pedro Nunes 16 1 Lap 35,357 18 07 Marco Azevedo 36,151 1,238
19 18 António Martins 36,356 1,626 19 17 Miguel Lopes 16 1 Lap 36,234 19 13 Joaquim Oliveira 36,191 1,278
20 13 Joaquim Oliveira 36,505 1,775 20 18 António Martins 16 1 Lap 35,971 20 17 Miguel Lopes 36,234 1,321
21 01 Ricardo Sousa 37,095 2,365 21 13 Joaquim Oliveira 12 2 Laps 36,191 21 01 Ricardo Sousa 36,981 2,068

 

 

CORRIDA 3
TREINOS CORRIDA BEST LAPS
Pos. Kart Piloto Tempo Dif. Pos. Kart Piloto Laps Dif. Best Pos. Kart Piloto Best Dif.
1 11 Iceman 34,958 0,000 1 11 Iceman 17 0,00 34,902 1 17 Pedro Sousa 34,830 0,000
2 07 João Moreira 35,021 0,063 2 17 Pedro Sousa 17 00,73 34,830 2 11 Iceman 34,902 0,072
3 22 Rui Almeida 35,093 0,135 3 14 Diogo Sousa 17 02,35 34,974 3 14 Diogo Sousa 34,974 0,144
4 17 Pedro Sousa 35,096 0,138 4 16 Jorge Meireles 17 11,21 35,323 4 22 Rui Almeida 35,032 0,202
5 14 Diogo Sousa 35,237 0,279 5 21 João Veiga 17 12,10 35,467 5 07 João Moreira 35,054 0,224
6 18 Manuel Fonseca 35,496 0,538 6 15 Fernando Charais 17 14,55 35,404 6 13 Pedro Nunes 35,267 0,437
7 21 João Veiga 35,551 0,593 7 10 Ricardo Passos 17 16,13 35,491 7 16 Jorge Meireles 35,323 0,493
8 16 Jorge Meireles 35,560 0,602 8 04 Reinaldo Fonseca 17 16,20 35,526 8 15 Fernando Charais 35,404 0,574
9 04 Reinaldo Fonseca 35,572 0,614 9 19 Leandro Caetano 17 17,09 35,481 9 18 Manuel Fonseca 35,423 0,593
10 05 Gustavo Gonçalves 35,636 0,678 10 20 André Martins 17 27,54 36,008 10 21 João Veiga 35,467 0,637
11 19 Leandro Caetano 35,642 0,684 11 05 Gustavo Gonçalves 17 29,64 35,585 11 19 Leandro Caetano 35,481 0,651
12 15 Fernando Charais 35,697 0,739 12 02 António Novo 17 30,78 36,054 12 10 Ricardo Passos 35,491 0,661
13 10 Ricardo Passos 35,706 0,748 13 09 Joaquim Oliveira 17 31,97 36,163 13 04 Reinaldo Fonseca 35,526 0,696
14 13 Pedro Nunes 35,707 0,749 14 13 Pedro Nunes 17 32,40 35,267 14 05 Gustavo Gonçalves 35,585 0,755
15 20 André Martins 35,856 0,898 15 07 João Moreira 17 35,20 35,054 15 12 Cristiano Amaro 35,863 1,033
16 01 Mario Alemão 35,903 0,945 16 12 Cristiano Amaro 17 38,07 35,863 16 20 André Martins 36,008 1,178
17 12 Cristiano Amaro 35,946 0,988 17 08 Miguel Lopes 16 1 Lap 36,182 17 02 António Novo 36,054 1,224
18 02 António Novo 36,134 1,176 18 01 Mario Alemão 16 1 Lap 36,273 18 09 Joaquim Oliveira 36,163 1,333
19 09 Joaquim Oliveira 36,261 1,303 19 03 António Martins 13 4 Laps 36,252 19 08 Miguel Lopes 36,182 1,352
20 08 Miguel Lopes 36,626 1,668 20 18 Manuel Fonseca 10 7 Laps 35,423 20 03 António Martins 36,252 1,422
21 03 António Martins 36,822 1,864 21 22 Rui Almeida 6 11 Laps 35,032 21 01 Mario Alemão 36,273 1,443

 

O “caso” João Moreira.

Na última manga do programa, o João Moreira obteve a segunda posição nos treinos cronometrados, uma posição que lhe dava naturais expectativas de lutar pela vitória.

No entanto, na formação da grelha de partida, o mecânico do KIVI, sem qualquer pedido de intervenção do João, reparou que o kart estava a perder bastante óleo e após uma observação mais pormenorizada disse que o João não poderia participar com aquele kart, pois o motor iria partir e então ordenou a troca de kart.

Face à qualidade do tempo obtido, o João ainda mostrou alguma relutância na troca, mas não lhe restou outra alternativa senão “obedecer” ao que lhe foi ordenado.

Uma vez que trocou de kart, foi-lhe aplicada a regra do regulamento que diz:

“Durante os treinos os concorrentes não poderão trocar de kart a não ser por avaria comprovada por elemento do kartódromo.

Independentemente da situação que motive a troca do kart, o piloto sairá sempre do último lugar da grelha de partida”

Quando esta regra foi criada, nunca foi imaginado que esta situação algum dia se verificasse. Aliás, obviamente que ela não foi criada para esta situação, pois estamos perante uma situação em que o kart não avariou, em que o piloto não se queixou nem solicitou nenhuma troca, antes pelo contrário, foi-lhe exigido que trocasse de kart e ainda por cima, o piloto foi penalizado saindo do último lugar, tão só porque a regra assim o exige.

Independentemente das motivações que levaram à criação desta regra, dela estar correcta ou errada, de ser estupida, enfim, independentemente da avaliação que cada um faz dela, para mim o mais importante é outra coisa.

Devo dizer que todo este episódio me deixou de certa forma maldisposto. Como costumo dizer, eu sou o padre daquela paróquia. Sou eu que ouço toda a gente, as confissões de uns, as queixas de outros.

É verdade que a regra é mais que objectiva, é verdade que as regras existem para se aplicarem e a todos sem excepção, mas não deixei de notar uma certa falta de fair.play nas tais queixas, nas tais confissões que desde logo aconteceram.

É neste ponto que eu quero relembrar uma frase que eu digo sempre nos breafings desde há muito tempo, frase essa que motiva invariavelmente algumas risadas e que não é levada a sério:

“Meus amigos, lembrem-se da razão principal porque estamos aqui. Diversão em primeiro, competição em segundo. Acima de tudo fair-play”.

Se houvesse fair-play, se houvesse aceitação das regras básicas, então não havia necessidade de estas serem cegas, antes pelo contrário, seriam abrangentes, mas isso não é possível.

Tenho enorme consideração, simpatia e amizade pelo João, mas nos ASES, todos valem o mesmo para mim. Eu fiquei refém da regra e tenho de lamentar ter tido necessidade de a aplicar por causa… do fair play.

________________________________________________________________________________________________________

 

Depois de alcançar mais uma vitória, o Iceman subiu ao segundo lugar do campeonato

 

Diogo Sousa está cada vez mais habituado aos YAMAHAS e os seus resultados refletem isso mesmo

 

Reinaldo Fonseca deu um bom salto na classificação e está agora na luta pela qualificação para a TIT 2016

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Pedro Sousa continua na luta pelo título, mas está a precisar de uma vitória

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Annus horribilis para Rui Almeida. O pior de sempre desde 1998! Nunca o piloto esteve tão atrás na classificação nesta altura do campeonato

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

<< Clique aquipara escrever aos ASES