por Rui Almeida

13 DE MARÇO 2015

BOM ARRANQUE PARA OS ASES EM DIA DE FESTA.

VITÓRIAS DE RUI MIRANDA, RUKY ICEMAN E LUÍS FERNANDES

Depois da esmagadora vitória dos ASES na TIT em Janeiro último, o troféu dos ASES como que ficou apetecível a todos e muitos ficaram então com curiosidade em vir testar as suas capacidades perante os recentes Campeões. Foi assim que de repente a lista de inscritos quase esgotou e não fosse a insistente chuva que infelizmente já parece imagem de marca dos ASES e teríamos a maior enchente de sempre!

Apesar de algumas desistências de última hora, 29 pilotos engrandeceram  os aniversários que marcavam esta prova - as 100 corridas de João Moreira e as duzentas (!) de Rui Almeida.

OS ANIVERSARIANTES - JOÃO MOREIRA

Foi em Março de 2004 que o João Moreira se estreou nos ASES PELOS ARES.

Tal como muitos outros, porventura aconselhado pela velha raposa da Universidade do Minho (UM) Luís Cunha, o João veio experimentar os ASES, um troféu à época bem mais competitivo que o universitário. Confesso que não me lembro do momento, provavelmente porque ele naquela altura foi um daqueles “mais um” que lotava as grelhas de partida do nosso troféu.

Ao contrário do “Old Fox Cunha”, o João ainda estava muito verde e isso refletiu-se no 12º lugar na classificação final do campeonato, mas depressa começou a evoluir e nas três provas finais já apareceu regularmente no top ten, acabando a última corrida do ano num bom 4º lugar, indicador do seu potencial.

Hoje que o conheço melhor, sei que a razão principal é outra. O João Moreira sempre pautou a sua presença por uma enorme discrição. Vive o fenómeno do kart de uma forma muito própria, muito calma e recatada. Aliás basta olhar para a foto que ilustra este artigo…

Enquanto crescia como piloto no troféu da UM, foi aparecendo com regularidade nos ASES, mas seria em 2006 que acabaria por “explodir” como piloto e começar a dominar e a ganhar corridas. De regular no top ten, passou a regular no top… 3 e logo na prova de arranque carimbou a sua primeira vitória.  Desde então o João passou a fazer parte da elite ganhadora dos ASES onde alcançou até agora 12 vitórias, num total de 42 subidas ao pódio. A sua maneira ponderada mas objetiva de estar nos karts, fez com que nunca “traísse” as suas raízes no troféu da UM, mas ainda assim foi-lhe difícil resistir à tentação de representar os ASES por duas ocasiões na Taça Intertroféus alcançando com as nossas cores uma das suas três vitórias nesta famosa prova. Hoje, o João Moreira continua a alear a sua sobriedade dentro e fora das pistas à sua grande rapidez, é definitivamente um piloto que faz parte da elite do kart amador e um indiscutível dos ASES e do seu Hall of Fame.

RUI "The Rukyman" ALMEIDA

Isto de fazer tudo nos ASES tem destas coisas.

Falar das 100 corridas do João Moreira não só é fácil como um enorme prazer. Agora o que dizer das 200 corridas do Rui Almeida? Quem? O Rui Almeida! Mas esse… sou eu!

Bem, comecei por ir ver o que foi escrito nas 100 corridas e verifiquei que contornei bem a questão, pois na altura os ASES também estavam a cumprir a centésima corrida.

Mas desta vez não. Já ninguém é totalista em corridas no Troféu ASES PELOS ARES, nem eu.

Não é fácil nem confortável falar de nós próprios e por isso vou-me confessar (um bocadinho) revendo a fotografia que eu mais gosto nestes 18 anos de participação em desportos motorizados e isso inclui automóveis também!

Acho que esta foto diz muito do Rui “The Rukyman” Almeida neste hobby.

Estou em fato de competição – logo também ando lá dentro. Estou de megafone numa mão e folha de tempos na outra, logo isso quer dizer que também estou a coordenar e por trás estão “as tropas”!

Mais do que os dados estatísticos que tenho como piloto, dos resultados que alcancei e tenho bons momentos sem dúvida, são as muitas memórias das provas que organizei, das provas que ajudei a nascer, dos muitos pilotos que conheci e respeito, dos muitos amigos que fiz e de quem ainda hoje tenho o enorme prazer de partilhar momentos dentro e principalmente fora das corridas.

Já lá vão quase 20 anos e neste momento não sei quando vou parar. Será que daqui a outros 20 ainda se fala dos ASES?

 

AS CORRIDAS...

 

Na pré-época foram vários os pilotos que prometeram mundos e fundos na luta pelo título de 2015 e não deixa de ser curioso que na primeira corrida do programa, o Campeão Luís Fernandes ficou de fora a ver os seus adversários gladiarem-se, a ver se de facto haveria algum que iria por em prática essas promessas de mais luta.

 

CORRIDA A

 

Afinal não foi nenhum dos habituais residentes, mas o "regressado" Reinaldo Fonseca a obter o melhor tempo nos treinos logo seguido do aniversariante João Moreira e mais um regressado - Rui Miranda.

Dada a partida, Miranda surpreendeu Moreira e subiu a segundo. João Moreira estava disposto a comemorar da melhor forma esta momento e começou desde logo a pressionar Miranda, mas terá feito com tanta intensidade e alguma falta de calma que acabou sem bico. Quem agradeceu foi o outro aniversariante - Rui Almeida que subiu assim ao terceiro lugar. Os dois Ruis forçaram o andamento e rapidamente alcançaram o líder que não parecia muito à vontade na pista muito encharcada.

Almeida parecia mais calmo e em voltas consecutivas superou os seus adversários assumindo a liderança. Para quem estava de fora, tudo parecia indicar que a partir daí a vitória não escaparia, mas tal com em 2014, Almeida voltou a errar fazendo um pião. O azarado foi Reinaldo Fonseca que tapado por Miranda, não conseguiu evitar Almeida, ficando ambos... sem bico.

Mas o pior estaria para vir, pois Almeida quiçá perturbado com mais um erro, baralhou-se no local de colocação dos frontais e acabou por gerar alguma confusão na pista, arrastando consigo o infeliz Fonseca. Acabaram ambos desclassificados...

Com isto, vitória fácil para Rui Miranda, um bom arranque de época para os Pedros, o Cunha e o Nunes que o secundaram no pódio.

 

CORRIDA 1
TREINOS CORRIDA BEST LAPS
Pos. Kart Piloto Tempo Dif. Pos. Kart Piloto Laps Dif. Best Pos. Kart Piloto Best Dif.
1 15 Reinaldo Fonseca 59,250 0,000 1 12 Rui Miranda 10 0,00 58,045 1 12 Rui Miranda 58,045 0,000
2 17 João Moreira 59,830 0,580 2 01 Pedro Cunha 10 6,20 59,455 2 11 Rui Almeida (*) 58,403 0,358
3 12 Rui Miranda 59,970 0,720 3 18 Pedro Nunes 10 7,94 59,102 3 03 Iceman 58,768 0,723
4 11 Rui Almeida 60,080 0,830 4 05 Aires Azevedo 10 15,94 60,027 4 17 João Moreira 58,871 0,826
5 01 Pedro Cunha 60,300 1,050 5 04 Nuno Gonçalves 10 16,46 59,387 5 18 Pedro Nunes 59,102 1,057
6 18 Pedro Nunes 61,070 1,820 6 19 Gustavo Gonçalves 10 19,24 59,253 6 15 Reinaldo Fonseca (*) 59,223 1,178
7 03 Iceman 61,150 1,900 7 16 Márcio Moreira 10 34,03 61,068 7 19 Gustavo Gonçalves 59,253 1,208
8 04 Nuno Gonçalves 61,280 2,030 8 17 João Moreira 10 36,12 58,871 8 04 Nuno Gonçalves 59,387 1,342
9 05 Aires Azevedo 61,281 2,031 9 20 Fernando Charais 10 36,92 61,888 9 01 Pedro Cunha 59,455 1,410
10 19 Gustavo Gonçalves 61,340 2,090 10 09 Tiago Pina 10 41,32 60,144 10 05 Aires Azevedo 60,027 1,982
11 09 Tiago Pina 62,270 3,020 11 14 Renato Afonso 10 45,33 60,673 11 09 Tiago Pina 60,144 2,099
12 02 António Bompastor 62,740 3,490 12 03 Iceman 10 50,06 58,768 12 14 Renato Afonso 60,673 2,628
13 10 Ricardo Passos 62,780 3,530 13 02 António Bompastor 9 1 Lap 60,884 13 02 António Bompastor 60,884 2,839
14 20 Fernando Charais 62,960 3,710 14 07 Miguel Lopes 9 1 Lap 64,331 14 16 Márcio Moreira 61,068 3,023
15 08 José Pinhal 63,380 4,130 15 08 José Pinhal 8 2 Laps 62,211 15 20 Fernando Charais 61,888 3,843
16 06 Diogo Sousa 63,510 4,260 16 10 Ricardo Passos 6 4 Laps 63,071 16 08 José Pinhal 62,211 4,166
17 16 Márcio Moreira 63,950 4,700 17 06 Diogo Sousa 3 7 Laps 62,368 17 06 Diogo Sousa 62,368 4,323
18 14 Renato Afonso 64,290 5,040   15 Reinaldo Fonseca DQ * 59,223 18 10 Ricardo Passos 63,071 5,026
19 07 Miguel Lopes 67,210 7,960   11 Rui Almeida DQ * 58,403 19 07 Miguel Lopes 64,331 6,286
* Troca de frontal fora do local pré-definido * Sem direito aos pontos extra

 

CORRIDA B

 

Para a segunda corrida do programa entrava em acção o Campeão Luís Fernandes, mas este demorou um pouco a aquecer. O mais lesto foi Aires Azevedo logo seguido de Ruky Iceman e Pedro Nunes.

Na partida o Iceman superou Azevedo e este ainda perderia mais um lugar para Pedro Nunes. Ao longo da corrida Nunes tentou pressionar sempre o líder, mas o jovem Iceman nunca se atemorizou. Já perto do final Nunes calculou mal a entrada na recta da meta e acertou nos pneus laterais estragando um bom conjunto de resultados.

Aires Azevedo recuperou então o segundo lugar na frente de Luís Fernandes que conseguiu recuperar do sétimo lugar que tinha alcançado nos treinos.

Bom resultado também para Rui Miranda que foi quarto e desta forma conseguiu um optimo arranque nos ASES 2015.

 

CORRIDA 2
TREINOS CORRIDA BEST LAPS
Pos. Kart Piloto Tempo Dif. Pos. Kart Piloto Laps Dif. Best Pos. Kart Piloto Best Dif.
1 12 Aires Azevedo 58,070 0,000 1 11 Iceman 11 0,00 57,426 1 11 Iceman 57,426 0,000
2 11 Iceman 58,170 0,100 2 12 Aires Azevedo 11 1,57 57,582 2 19 Luís Fernandes 57,566 0,140
3 15 Pedro Nunes 58,540 0,470 3 19 Luís Fernandes 11 5,21 57,566 3 12 Aires Azevedo 57,582 0,156
4 01 Reinaldo Fonseca 58,960 0,890 4 10 Rui Miranda 11 10,12 57,901 4 15 Pedro Nunes 57,620 0,194
5 04 Fernando Charais 59,000 0,930 5 02 Jorge Meireles 11 11,74 57,895 5 02 Jorge Meireles 57,895 0,469
6 02 Jorge Meireles 59,360 1,290 6 09 Gustavo Gonçalves 11 12,27 58,017 6 10 Rui Miranda 57,901 0,475
7 19 Luís Fernandes 59,440 1,370 7 15 Pedro Nunes 11 15,81 57,620 7 18 Diogo Gonçalves 57,945 0,519
8 09 Gustavo Gonçalves 59,510 1,440 8 04 Fernando Charais 11 17,59 58,463 8 09 Gustavo Gonçalves 58,017 0,591
9 05 Vitor Fernandes 59,590 1,520 9 03 Manuel Fonseca 11 26,57 59,010 9 16 Pedro Sousa 58,319 0,893
10 16 Pedro Sousa 59,840 1,770 10 05 Vitor Fernandes 11 27,42 58,832 10 01 Reinaldo Fonseca 58,433 1,007
11 10 Rui Miranda 59,990 1,920 11 01 Reinaldo Fonseca 11 31,42 58,433 11 04 Fernando Charais 58,463 1,037
12 18 Diogo Gonçalves 60,070 2,000 12 18 Diogo Gonçalves 11 31,51 57,945 12 05 Vitor Fernandes 58,832 1,406
13 20 Pedro Soares 60,470 2,400 13 08 João Veiga 11 39,32 59,949 13 03 Manuel Fonseca 59,010 1,584
14 03 Manuel Fonseca 60,650 2,580 14 14 Márcio Moreira 11 46,62 59,560 14 20 Pedro Soares 59,032 1,606
15 06 António Bompastor 60,790 2,720 15 06 António Bompastor 11 53,99 59,974 15 14 Márcio Moreira 59,560 2,134
16 08 João Veiga 61,930 3,860 16 16 Pedro Sousa 11 54,52 58,319 16 08 João Veiga 59,949 2,523
17 13 António Novo 62,700 4,630 17 13 António Novo 11 56,23 61,544 17 06 António Bompastor 59,974 2,548
18 17 Joaquim Oliveira 63,180 5,110 18 20 Pedro Soares 9 2 Laps 59,032 18 17 Joaquim Oliveira 61,113 3,687
19 14 Márcio Moreira 75,490 17,420 19 17 Joaquim Oliveira 9 2 Laps 61,113 19 13 António Novo 61,544 4,118

 

CORRIDA C

 

Para a última corrida do programa, os dois aniversariantes estavam "obrigados" pelo menos a não errar e a tentar minimizar as perdas.

Desta vez Luís Fernandes não falhou e obteve uma categórica pole-position.

Rui Almeida e João Moreira saiam logo atrás.

Dada a partida e tal como na corrida inicial, Moreira tentou logo superar o seu adversário e não perder muito tempo para Fernandes.

Rui Almeida, apesar de algumas dificuldades não facilitou e tentava superar as dificuldades que sentia.

Mais uma vez e contra o que é normal, João Moreira ficou sem frontal libertando um balão de oxigénio para Almeida que mesmo assim, voltou a errar fazendo novo pião.

Desta vez ninguém lhe acertou e assim conseguiu refazer-se e recuperar o segundo lugar que entretanto tinha sido ocupado por Pedro Sousa. Este repetiu o pódio que alcançou na sua prova de estreia a época passada.

Uma palavra final para Diogo Gonçalves, um excelente piloto mas que alia os quase 2 metros de altura ao seu natural peso elevado. Isso não o impede de ter excelente andamento e alcançar bons resultados.

 

CORRIDA 3
TREINOS CORRIDA BEST LAPS
Pos. Kart Piloto Tempo Dif. Pos. Kart Piloto Laps Dif. Best Pos. Kart Piloto Best Dif.
1 15 Luís Fernandes 56,730 0,000 1 15 Luís Fernandes 11 0,00 56,811 1 15 Luís Fernandes 56,811 0,000
2 16 Rui Almeida 57,510 0,780 2 16 Rui Almeida 11 12,81 57,173 2 12 João Moreira 56,883 0,072
3 12 João Moreira 57,550 0,820 3 05 Pedro Sousa 11 14,96 58,097 3 16 Rui Almeida 57,173 0,362
4 03 Pedro Soares 57,710 0,980 4 12 João Moreira 11 18,20 56,883 4 20 Diogo Gonçalves 57,453 0,642
5 20 Diogo Gonçalves 58,190 1,460 5 20 Diogo Gonçalves 11 19,16 57,453 5 04 Pedro Cunha 57,651 0,840
6 05 Pedro Sousa 58,260 1,530 6 10 Nuno Gonçalves 11 23,55 58,854 6 11 Tiago Pina 58,051 1,240
7 04 Pedro Cunha 58,300 1,570 7 03 Pedro Soares 11 25,32 58,980 7 05 Pedro Sousa 58,097 1,286
8 10 Nuno Gonçalves 58,900 2,170 8 14 Ricardo Passos 11 30,60 59,267 8 01 Renato Afonso 58,707 1,896
9 01 Renato Afonso 59,200 2,470 9 19 Jorge Meireles 11 31,14 59,157 9 09 Diogo Sousa 58,820 2,009
10 19 Jorge Meireles 59,370 2,640 10 13 João Veiga 11 33,99 59,412 10 17 Vitor Fernandes 58,827 2,016
11 11 Tiago Pina 59,420 2,690 11 17 Vitor Fernandes 11 35,53 58,827 11 10 Nuno Gonçalves 58,854 2,043
12 14 Ricardo Passos 59,640 2,910 12 09 Diogo Sousa 11 39,65 58,820 12 18 António Novo 58,947 2,136
13 18 António Novo 59,830 3,100 13 04 Pedro Cunha 11 42,29 57,651 13 03 Pedro Soares 58,980 2,169
14 13 João Veiga 60,010 3,280 14 01 Renato Afonso 11 49,91 58,707 14 19 Jorge Meireles 59,157 2,346
15 17 Vitor Fernandes 60,350 3,620 15 11 Tiago Pina 11 50,65 58,051 15 14 Ricardo Passos 59,267 2,456
16 07 José Pinhal 60,520 3,790 16 08 Joaquim Oliveira 10 1 Lap 61,503 16 13 João Veiga 59,412 2,601
17 06 Manuel Fonseca 60,560 3,830 17 18 António Novo 10 1 Lap 58,947 17 07 José Pinhal 59,769 2,958
18 09 Diogo Sousa 60,740 4,010 18 07 José Pinhal 10 1 Lap 59,769 18 08 Joaquim Oliveira 61,503 4,692
19 08 Joaquim Oliveira 62,410 5,680 19 02 Miguel Lopes 10 1 Lap 62,108 19 06 Manuel Fonseca 61,828 5,017
20 02 Miguel Lopes 63,360 6,630 20 06 Manuel Fonseca 4 7 Laps 61,828 20 02 Miguel Lopes 62,108 5,297

 

O jovem Miguel Lopes de apenas 15 anos teve uma estreia difícil devido à chuva, mas o seu andamento promete

 

Rui Almeida que tinha saído do 4º lugar, tinha acabado de assumir a liderança, mas mais uma vez... deitou tudo a perder

 

Reinaldo Fonseca não foi nada feliz neste regresso aos ASES, mas promete fazer um bom campeonato

 

Enquanto o Iceman caminhava para uma vitória tranquila, Pedro Nunes acertava nos pneus de entrada na recta da meta e... ficava sem bico

 

Bom arranque de Aires Azevedo que conseguiu um bom conjunto de resultados, um deles na frente do campeão Fernandes

 

Rui Miranda alcançou a sua segunda vitória nos ASES e para já secunda Luís Fernandes no campeonato

 

Desta vez, o Iceman está a fazer o campeonato desde o início. Temos piloto para lutar pelo título

 

Apesar de um arranque meio morno, Luís Fernandes venceu a sua segunda manga e já é líder do campeonato

Diogo Gonçalves fica muito encolhido dentro do kart, mas isso não o impede de andar forte

 

Mais fotos no FACEBOOK aqui neste link:

 

<< Clique aquipara escrever aos ASES