por Rui Almeida

 

6 DE JUNHO DE 2013

 

LUÍS FERNANDES MAIS PRIMEIRO!

Luís Fernandes ladeado por Pedro Soares e Rui Almeida no pódio da primeira manga

 

Disputou-se no final de Maio a segunda prova do troféu dos ASES que voltou a contar novamente com 17 inscritos.

A prova foi mais uma vez muito interessante, com muitos despiques, algumas lutas mais quentes e resultados finais imprevisíveis.

Desta vez já se usou o sistema AB, pois a frota cresceu para lá das 20 unidades.

Tal como estipula o regulamento, o circuito foi diferente e novamente do agrado de todos.

 

CORRIDA A
TREINOS CORRIDA
Pos. Nome Tempo Pos. Kart Nome Voltas Dif. Best Lap
1 Luís Fernandes 45.370 1 4 Luís Fernandes 20   45.121
2 Pedro Soares 45.850 2 6 Pedro Soares 20 5.41 45.327
3 Paulo Sampaio 45.950 3 19 Rui Almeida 20 6.02 45,249
4 Fernando Charais 46.170 4 12 Rukyman 20   45,447
5 Rui Almeida 46.260 5 11 Pedro Cunha 20   45,657
6 Jorge Meireles 46.270 6 7 Aires Azevedo 20   45,815
7 Edgar Moutinho 46.460 7 9 Pedro Nunes 20   45,831
8 Rukyman 46.630 8 5 Paulo Sampaio 20   45,777
9 Pedro Cunha 46.700 9 3 Fernando Charais 20   45,227
10 Aires Azevedo 46.860 10 8 António Novo 20   46,023
11 Cristiano Amaro 46.990 11 1 Jorge Silva 19 1 Lap 46,675
12 João Moreira 47.210 12 13 Cristiano Amaro 19 1 Lap 46,117
13 António Novo 47.560 13 18 João Moreira 19 1 Lap 46,109
14 Jorge Silva 48.100 14 14 Jorge Meireles 19 1 Lap 45,555
15 Pedro Nunes 48.410 15 20 Nelson Pereira 18 2 Lap 48,675
16 Nelson Pereira 49.390 16 17 Edgar Moutinho 14 6 Laps 44,826

 

A primeira manga foi totalmente dominada por Luís Fernandes.

Logo nos treinos, Fernandes marcou a diferença - 45,37s ao bater o estreante Pedro Soares por quase meio segundo – 45,85s.

A corrida foi um passeio triunfal sem ninguém importunar o líder, com Luís Fernandes a terminar com mais de 5 segundos de avanço.

Já para o segundo lugar as coisas foram diferentes. Pedro Soares foi segundo desde o arranque mas teve de se acautelar, pois Rui Almeida que fez uns maus treinos (apenas 5º) terminou “nos calcanhares de Soares, depois de ultrapassar Jorge Meireles, Fernando Charais e Paulo Sampaio.

Logo atrás terminou o jovem Rukyman que tinha sido oitavo nos treinos!

 

Luís Fernandes venceu tranquilamente a primeira manga e é líder destacado do campeonato

 

Rui Almeida tem de tentar vencer a malapata neste troféu. Promete, promete... mas depois não cumpre

 

CORRIDA B
TREINOS CORRIDA
Pos. Nome Tempo Pos. Kart Nome Voltas Dif. Best Lap
1 Rui Almeida 57.980 1 4 Iceman 16   54.655
2 Pedro Soares 58.440 2 6 Luís Fernandes 16 7.18 55.070
3 Rukyman 58.860 3 19 Edgar Moutinho 16 21.33 55.972
4 Luís Fernandes 59.170 4 12 Pedro Soares 16 48.90 54.032
5 Edgar Moutinho 60.010 5 11 Jorge Meireles 16   56.265
6 Jorge Meireles 60.380 6 7 Aires Azevedo 16   57.926
7 João Moreira 61.210 7 9 Pedro Cunha 16   55.914
8 Paulo Sampaio 61.270 8 5 Jorge Silva 16   57.526
9 Fernando Charais 61.350 9 3 João Moreira 16   54.679
10 Jorge Silva 61.680 10 8 Pedro Nunes 16   56.858
11 Pedro Cunha 62.110 11 1 Nelson Pereira 15 1 Lap 58.534
12 Pedro Nunes 62.450 12 13 Rui Almeida 15 1 Lap 54.134
13 Aires Azevedo 63.190 13 18 Cristiano Amaro 15 1 Lap 57.414
14 António Novo 63.230 14 14 Fernando Charais 13 3 Lap 55.257
15 Cristiano Amaro 63.680 15 20 António Novo 12 4 Lap 58.178
16 Nelson Pereira 64.960 16 17 Paulo Sampaio 11 5 Lap 55.929

 

Para a segunda manga, as condições alteraram-se radicalmente, já que uma chuvada forte mas curta, inundou a pista completamente.

Saltou à vista a boa qualidade do asfalto e das saídas de água, pois apesar de a pista se ter apresentado sempre molhada, a prática do karting nunca esteve em causa.

Desta vez, o mais forte foi Rui Almeida com 57,98s batendo novamente Pedro Soares (58,44s) que teve assim uma estreia auspiciosa.

Dada a partida Almeida passou logo para a frente e foi somente incomodado por Soares nas voltas iniciais até fazer um pião e perder o frontal.

A partir daí, Almeida geriu a sua prova como quis quase até final.

Este início de época está a ser aziago para ele, pois foi novamente vítima de um infortúnio para o qual - tal como na primeira prova, nada contribuiu.

Dois pilotos atrasados e que estavam prestes a ser dobrados, chocaram perdendo ambos o frontal. Um dos frontais é projetado para o meio da pista no preciso momento em que o líder vinha a passar, acabando este por também perder o seu frontal!

Assim sendo, o vencedor acabou por ser Rukyman, enquanto que Luís Fernandes faz novamente um bom resultado com o segundo lugar. Edgar Moutinho foi terceiro.

 

Rukyman teve uma vitória feliz na segunda manga e já segundo no troféu

 

João Moreira esteve algo infeliz nesta segunda prova

 

Tal como João Moreira, Fernando Charais esteve abaixo das suas expectativas

 

Apesar de ser dos mais pesados do pelotão, Pedro Cunha consegue demonstrar bons tempos

 

Paulo Sampaio também foi um dos desistentes na segunda manga

 

 

Mais fotos no FACEBOOK aqui neste link:

 

<< Clique aquipara escrever aos ASES