por Rui Almeida

 

23 DE ABRIL 2013

 

ARRANQUE FANTÁSTICO NA NOVA ERA DOS ASES

 

Depois de muita propaganda, de muito mistério, de se ir levantando o véu aos bocadinhos, finalmente os ASES voltaram a organizar um campeonato.

E fizeram-no ao melhor estilo, usando uma frota muito interessante para competir no modo “chave na mão”, usando o conjunto Parolin/Yamaha 250 que foram sendo testados ao longo dos últimos meses.

Tudo foi preparado minuciosamente e no cômputo geral, quer ASES, quer KIVIKART, têm que estar satisfeitos com o resultado final.

O kart foi do agrado de todos, as corridas foram espetaculares e no fim, todos estavam muito satisfeitos.

Houve cuidados redobrados com a segurança ao ponto de todos terem tido a oportunidade de testar o kart numa sessão de treinos livres que foi surpresa para todos, ou seja, uma novidade não prevista que deixou os pilotos mais sorridentes com a “borla”.

Também o traçado escolhido foi propositadamente alterado para um mais lento, de maneira a que o impacto inicial não fosse tão violento e tornasse o evento mais seguro e tranquilo para todos.

A nível de andamento, houve muito equilíbrio e as diferenças foram residuais.

Claro que nem tudo foram rosas, existem arestas para limar. Aqui e ali houve problemas ou percalços. Também houve algumas questões regulamentares que vão necessitar de maior especificidade, mas no fundo, no fundo, todos estavam satisfeitos no final!

A prova inaugural contou com a presença de 17 pilotos. Inscreveram-se 20, mas faltaram 3 que “justificaram a falta”.

Destaque para a presença de muitos campeões em atividade!

O último campeão dos ASES e que é o atual detentor do troféu KARTKUP – Luís Vaz e o seu vice-campeão Edgar Moutinho, o campeão da Universidade do Minho Reinaldo Fonseca e também o seu Vice-Campeão João Moreira. Esta dupla faz parte da equipa vencedora da TIT disputada em Janeiro último e já agora também o terceiro classificado do campeonato da UM, que simultaneamente é o vice-campeão dos ASES e o Campeão em título dos Cavaleiros (!!), ou seja, este cronista de ocasião que vos escreve…

Ainda dos Cavaleiros do Asfalto, o vice-campeão e o terceiro classificado, respetivamente Fernando Charais e Rui Miranda, o Campeão do troféu IKE – Luís Fernandes, outros ilustres pilotos de outros grupos, como a Liga Pistão e ainda pilotos menos galardoados, mas ainda assim com “nome” suficiente para não se apoquentarem com tanta “realeza”.

 

Rukyman venceu tranquilamente a 1ªmanga e esteve algo infeliz na segunda. Ainda assim, obteve as melhores voltas em ambas

 

Foi o caso do jovem Rukyman, uma antiga promessa dos ASES, agora uma mais que certeza, que dominou a primeira manga da prova desde a sessão de treinos até à bandeirada de xadrez final!

O Rukyman JR, foi o piloto mais rápido nos treinos, mas Luís Fernandes ainda a adaptar-se ao kart, foi logo mostrando do que era capaz obtendo o segundo tempo.

Na corrida, o Iceman não se impressionou com os adversários, saiu na frente e apesar de não conseguir fugir, manteve sempre a liderança com alguma tranquilidade fazendo pelo meio a melhor volta que acabou também por ser a melhor volta de todo o programa.

Luís Fernandes foi segundo, enquanto que o terceiro foi Fernando Charais.

 

CORRIDA B/C
TREINOS CORRIDA
Pos. Nome Tempo Pos. Kart Nome Voltas Dif. Best Lap
1 Iceman 45.231 1 6 Iceman 20   44,573
2 Luís Fernandes 45.232 2 12 Luís Fernandes 20 2.17 44,803
3 Rui Almeida 45.390 3 7 Fernando Charais 20 10.39 45,000
4 Fernando Charais 45.470 4 1 Reinaldo Fonseca 20 11.34 45,023
5 Reinaldo Fonseca 45.570 5 5 Rui Miranda 20 13.46 44,980
6 Jorge Meireles 45.590 6 11 Jorge Meireles 20 16.95 45,260
7 Rui Miranda 45.720 7 4 Paulo Sampaio 20 20.64 45,284
8 Edgar Moutinho 45.850 8 10 Edgar Moutinho 20 21.07 45,309
9 Paulo Sampaio 45.870 9 8 Vitor Ramos 20 26.15 45,293
10 Vitor Ramos 45.890 10 9 Pedro Cunha 20 35.20 45,666
11 Pedro Cunha 46.100 11 2 Rui Almeida 19 1 Lap 44,804
12 António Novo 47.320 12 3 António Novo 15 5 Laps 46,055

 

Com tanta “realeza” presente, não deixa de ser curioso/estranho que a segunda manga não tenha contado com nenhum campeão.

Depois de uma primeira manga atribulada na qual perdeu o bico quer nos treinos quer na corrida, Rui Almeida mostrou que há que contar com ele. Foi o mais rápido, batendo João Moreira e Rukyman. Estes dois ficaram separados por uma milésima de segundo!

No entanto estava escrito que esta jornada seria para esquecer.

 

João Moreira geriu muito bem a sua prova. Nunca foi o mais rápido, mas isso não o impediu de vencer uma manga e ser segundo na outra

 

Dada a partida, Almeida saiu na frente, mas o kart começou a engasgar-se e na entrada da segunda volta acabou surpreendido por Rui Miranda que entretanto tinha feito um excelente arranque.

Almeida foi perdendo lugares até parar definitivamente. Na troca de karts, entrou em pista no momento em que passava o novo líder – João Moreira.

Moreira fez uma prova tranquila, até porque Rui Miranda e Luís Vaz tiveram um “encontro imediato” em pista que provocou a desistência de ambos.

Também o jovem Rukyman não foi muito feliz nesta manga, apesar de ter feito a volta mais rápida. A meio da manga teve de trocar de kart devido a uma fuga de óleo.

Estes foram aliás os dois únicos problemas sérios que ocorreram no fim-de-semana.

No final, João Moreira venceu tranquilamente, seguido de Aires Azevedo e António Novo.

 

CORRIDA A/C
TREINOS CORRIDA
Pos. Nome Tempo Pos. Nome Laps Diff. Best
1 Rui Almeida 44,880 1 05 João Moreira 20 ## 44,810
2 João Moreira 44,981 2 07 Aires Azevedo 20 00:14,77 45,413
3 Iceman 44,982 3 09 António Novo 20 00:20,18 45,442
4 Rui Miranda 45,030 4 01 Rui Almeida 19 1 Lap 44,886
5 Luís Vaz 45,390 5 04 Paulo Ambrósio 19 00:24,91 46,029
6 Aires Azevedo 45,950 6 11 Jorge Meireles 19 00:36,22 45,418
7 Flávio Afonso 45,980 7 02 Flávio Afonso 19 00:42,09 45,502
8 António Novo 46,690 8 13 Iceman 18 2 Laps 44,652
9 Paulo Ambrósio 46,940 9 03 Luís Vaz 4 16 Laps 45,405
10 Jorge Meireles 47,050 10 06 Rui Miranda 4 00:00,74 45,410

 

A última manga foi igualmente espetacular.

Reinaldo Fonseca reinou nos treinos e também arrancou na frente.

No entanto começou desde logo a ser acossado por Luís Fernandes. Com tanta pressão e um kart que andava bem, mas tinha um comportamento nervoso, Reinaldo estava a criar um comboio atrás de si.

A dada altura, Fernandes tentou a ultrapassagem, mas achando que o tinha feito à margem das leis, decidiu ceder novamente o lugar.

Com tanto piloto junto, a coisa só podia correr mal. Luís Fernandes não só não conseguiu o seu objetivo de fair-play, como Reinaldo Fonseca e João Moreira quase se desentenderam em pista.

Logo depois, Moreira e Fonseca acabaram mesmo por se tocar e enquanto que João Moreira herdava o segundo lugar, Reinaldo Fonseca caía para o quinto lugar em que terminou.

O terceiro lugar acabou nas mãos de Luís Vaz que voltava desta forma aos pódios nas corridas dos ASES.

 

Luís Fernandes também obteve um primeiro e um segundo lugar. A diferença fez-se nos pontos extra

 

CORRIDA A/B
TREINOS CORRIDA
Pos. Nome Tempo Pos. Nome Laps Diff. Best
1 Reinaldo Fonseca 44,800 1 07 Luís Fernandes 20 ## 44,779
2 Luís Fernandes 45,100 2 10 João Moreira 20 00:02,97 44,890
3 João Moreira 45,140 3 09 Luís Vaz 20 00:06,92 44,940
4 Edgar Moutinho 45,150 4 15 Fernando Charais 20 00:09,46 45,179
5 Luís Vaz 45,210 5 02 Reinaldo Fonseca 20 00:13,11 45,105
6 Aires Azevedo 45,230 6 04 Vitor Ramos 20 00:17,55 45,335
7 Fernando Charais 45,250 7 06 Edgar Moutinho 20 00:25,23 45,198
8 Paulo Sampaio 45,460 8 01 Flávio Afonso 20 00:25,39 45,701
9 Vitor Ramos 45,620 9 14 Paulo Sampaio 20 00:26,42 45,255
10 Flávio Afonso 45,700 10 08 Pedro Cunha 18 2 Laps 45,509
11 Pedro Cunha 45,710 11 11 Paulo Ambrósio 17 3 Laps 46,019
12 Paulo Ambrósio 47,290 12 5 Aires Azevedo 13 7 Laps 45,187

 

 

 

O vencedor da primeira manga - Rukyman, ladeado de Luís Fernandes (2º) e Fernando Charais (3º)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O vencedor da segunda manga João Moreira, ladeado de Aires Azevedo (2º) e António Novo 83º)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

E finalmente Luís Fernandes, vencedor da última manga ladeado de João Moreira e Luís Vaz (3º)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Mais fotos no FACEBOOK aqui neste link:

 

<< Clique aquipara escrever aos ASES