por RUKYMAN

28 DE OUTUBRO 2007

Grande Prémio de Leiria II

Rui Almeida ganha o penúltimo round

 

O penúltimo Grande Prémio da época foi muito disputado.

Foram 24 os pilotos que fizeram a deslocação até ao interessante traçado dos Milagres em Leiria e lá apanharam um dia relativamente quente.

Tal como o previsto, a primeira corrida contou com todos os inscritos que não estão no "Top Ten" da classificação do campeonato e foi com natural curiosidade que os melhores classificados assistiram de fora a este primeiro embate.

Jorge Meireles mostrou nos treinos toda a sua experiência e maturidade sendo o mais rápido, logo seguido de Ruben Azevedo e de um surpreendente Alegria Paulo que se impôs apesar dos seus mais de 90kg.

Claro que as más línguas que estavam de fora, punham em causa as qualidades de Alegria e questionavam-se sobre quem iria receber um kart tão bom...

Dada a partida, Meireles segurou muito bem os ímpetos de Ruben Azevedo que cedo percebeu que afinal o seu adversário não estava assim tão bem servido.

Pelo contrário, Paulo Hadyk completou a habituação ao kart e ao traçado e foi subindo na classificação.

Depois de passar Alegria Paulo à terceira volta rapidamente se chegou ao duo comandante.

Ruben Azevedo tentava a todo o custo passar Meireles, mas começou a perceber que para além de caçador, também podia ser caçado...

E foi o que aconteceu: Com as suas dificuldades em superar Meireles, acabou ultrapassado por Paulo Hadyk. Ainda assim aguentou 8 voltas na frente de Hadyk. Este é que não teve dificuldades em passar para primeiro.

Com melhor velocidade de ponta, Meireles perdeu a liderança à 12ª volta, mas conseguiu aguentar um desesperado Ruben Azevedo atrás de si.

 

Paulo Hadyk venceu tranquilamente a primeira corrida e ainda fez a melhor volta

 

Mas o prato forte era indiscutivelmente as duas últimas corridas do programa, onde estariam sempre presentes os 10 primeiros do campeonato. Quem quisesse manter as suas aspirações intactas não podia falhar.

O mais rápido nos treinos foi Rui Almeida.

Naturalmente que este colocado no seu primeiro lugar da grelha, começou logo a olhar para trás a ver onde estavam os seus principais adversários.

Ao seu lado estava João Moreira que embora não o importunasse na luta pelo título, certamente não lhe iria dar a vitória de mão beijada. Domingos Machado estava na segunda fila e Luís Vaz na quarta, enquanto que Pedro Vidinha estava um pouco mais atrás e já um pouco longe, na sexta fila.

Dada a partida Almeida assumiu a liderança e aí se manteve até à quinta volta, altura em que após um ligeiro erro é passado por Moreira que desde o início seguia colado.

Entretanto, Jorge Meireles a mostrar excelente momento, "ajudava" Domingos Machado a não perder o contacto.

De facto, Meireles que era o mais rápido em pista apenas queria apanhar o duo da frente e mal isso aconteceu, deixou o "cone" de Domingos e este começou logo a entrar em perda.

Quando Almeida sentiu o "cheiro" de Meireles, tratou logo de repassar João Moreira e tentar deixar este a discutir o segundo lugar com Meireles, mas com um andamento muito semelhante entre os três, isso nunca aconteceu.

Almeida tinha que ganhar e aproveitar-se do facto de, quer João Moreira, quer Jorge Meireles estarem de fora das contas do campeonato.

Até ao fim a luta foi árdua mas leal e Almeida venceu mesmo logo seguido de Meireles que ultrapassou Moreira na última volta.

Domingos Machado conseguiu um bom quarto lugar, Pedro Vidinha minimizou as perdas recuperando até ao quinto lugar, enquanto que Luís Vaz quase se despediu do seu título ao terminar em décimo.

 

Rui Almeida comanda as operações seguido de João Moreira. Jorge Meireles(51) já lá vem e vai recuperar até ao segundo lugar

 

A última corrida funcionava como que a última oportunidade para Luís Vaz, enquanto que Vidinha e Domingos tinham agora de ficar à frente de Almeida para contrabalançar as perdas da primeira corrida.

Quem melhor respondeu foi Pedro Vidinha que foi o mais rápido nos treinos, logo seguido de Rui Almeida que desta forma aumentava a tensão nos seus adversários.

Luís Vaz era terceiro e Domingos Machado partia apenas do sétimo lugar.

No arranque Vidinha saiu na frente e Luís Vaz por ter a primeira curva para o seu lado assumiu logo o segundo lugar. Apesar disso, Almeida parecia tranquilo e mantinha-se na expectativa.

Luís Vaz estava com pressa de assumir a liderança enquanto que Vidinha parecia um pouco intranquilo na tentativa de segurar a liderança.

Com Luis Vaz completamente ao ataque em todas as curvas, Pedro Vidinha acabou por ceder à quinta volta, mas Almeida estava muito perto e sempre a controlar.

Agora é Vidinha que tem as referências todas e por conseguinte é Vaz que tem de se defender.

Com tantos ataques e tantas defesas, Almeida vê uma aberta e passa Vidinha, deixando este à mercê de João Moreira que queria vingar a derrota da corrida anterior.

A meio da prova, o quarteto segue destacado e Vidinha perde o terceiro lugar para Moreira.

Não vai ser o único, pois João Moreira está imparável e vai passando um após outro até chegar à frente da corrida.

No entanto, o jogo está muito difícil para os três candidatos ao título: Qualquer tentativa de ultrapassagem fracassada é facilmente castigada com a perda do seu lugar para quem vem logo atrás.

No final João Moreira vence, seguido de Luís Vaz, Rui Almeida e Pedro Vidinha.

 

Luís Vaz (55), Pedro Vidinha (73), Rui Almeida (ligeiramente encoberto) e João Moreira (51) protagonizaram uma última corrida espectacular

 

   Programa da prova

 

 

 

 

                                             

Corrida I

                                       Corrida II

 

Corrida III

 

                                       Classificação Actual

 

Comenta a prova noFORUMdos ASES!!

 Os "Highlights" do 7º GP do Troféu Ases pelos Ares 2007:

  

  • Luta pelo título: Simplesmente ao rubro!
  • Jorge Meireles: Este a um nível excepcional. Mais assiduidade e a Taça Inter-Troféus estava ao seu alcance
  • João Moreira: Que pena as duas ausências. O título estava ao seu alcance.
  • Rui Almeida: Esteve nitidamente acima dos seus competidores directos

  • Corridas e programa: Tal como em outras ocasiões, tudo correu bem. Karts simples e equilibrados. Organização rápida e eficaz

  • Domingos Machado: Venceu 4 corridas nas 4 primeiras provas, mas agora parece em perda de rendimento.

_________________________________________________________________________________________

Domingos Machado lidera o campeonato mas já perdeu quase toda a sua vantagem

 

Pedro Vidinha viu-se ultrapassado por Rui Almeida, mas também está mais perto de Domingos Machado

 

Só um milagre dará o título a Luís Vaz (60)

 

João Moreira obteve a sua quarta vitória da época, tantas quantas o líder do campeonato Domingos Machado

 

A luta entre os pretendes ao título foi intensa mas leal

 

Rui Almeida foi o mais pontuado

 

Rui Faria entrou no Top Ten dos ASES!